Aprenda a fazer água alcalina

166 Comments

Nosso corpo é constituído basicamente por água. Ela está presente nas células, nos órgãos, na pele e é importante para todos os processos internos que fazem nossa “máquina” funcionar e circula em nosso corpo por meio do sangue – que é levemente alcalino. Isso significa que, na escala que mede o PH (que vai do 1 – altamente ácido – ao 14 – altamente alcalino), ele está um pouquinho acima do nível neutro.

Quando nascemos somos mais alcalinos e ao envelhecer o nível de acidez de nosso corpo aumenta. Isso é ruim, pois acidez é sinônimo de aumento de radicais livres e doenças – quer dizer que nossas células estão se deteriorando. Mas não precisa ser assim. Existem maneiras de evitar esse aumento de acidez e ter uma vida melhor por mais tempo. O grande segredo é tomar água e ingerir alimentos que ajudem a aumentar a alcalinidade no nosso organismo.

A maioria das pessoas não sabe, mas a água que bebemos, filtrada, tem um nível de PH próximo de 7. Isso significa que, cada vez que bebemos um copo de água, nosso corpo precisa trabalhar, se esforçar, para compensar essa diferença. O ideal seria que água tivesse um PH acima de 9,5 para que, ao invés de nos prejudicar, nos trazer benefícios – e eles são muitos.

Com o aumento dos níveis de oxigênio, há uma grande melhora na circulação sanguínea, o que faz com que a absorção de nutrientes seja mais eficiente, acelerando na recuperação de doenças e melhorando a saúde como um todo. Faz uma limpeza de toxinas e trata prisão de ventre, dores de cabeça, cólicas estomacais e distúrbios de digestão. Ao diminuir os radicais livres, retarda o processo de envelhecimento, neutralizando os ácidos e revitalizando as células – o que em bom Português significa uma pele mais brilhante, elástica e sem rugas (ah, agora acho que chamei sua atenção, não é?).

Além disso, níveis elevados de acidez tem um impacto negativo sobre o corpo. Estudos mostram que o ambiente ácido é uma das causas para o surgimento de pressão arterial elevada, diabetes, artrite, entre outras.

Como fazer água alcalina em casa

Aqui no Brasil ainda é difícil encontrar água alcalina nos supermercados, pronta para o consumo, ou aparelhos/filtros especiais que fazem isso de maneira automática. A boa notícia: essa água antioxidante pode ser feita em casa com o uso de ingredientes básicos, baratos e fáceis de encontrar.

Você precisa apenas de bicarbonato de sódio e água filtrada. Se quiser ter certeza de que o nível de PH está correto, pode comprar tiras de medição. Mas a receita é dissolver cerca de 1 a 2 gramas – obrigada ao leitor Toni pela correção e atualização do post – de bicarbonato de sódio em um galão de 20 litros de água. Por conta da alta diluição não se nota o gosto do bicarbonato e se evita a alcalose, que é quando existe excesso da substância na água – o que pode ocasionar prisão de ventre, irritabilidade, espasmos musculares, vômitos, entre outros. Para que o bicarbonato não se acumule no fundo do recipiente e todo o galão fique com o mesmo fator de PH, uma dica dada pelo leitor Adriano ajuda muito: coloque o bicarbonato primeiro em um copo de água mineral misturando bem até a total dissolução do pó e só então despeje a solução do copo dentro do garrafão de 20 litros, misturando novamente.

Outra forma muito simples de alcalinizar o corpo é usando limão. Sim, os limões têm gosto e são ácidos, mas são alcalinizantes. Efetivamente, apesar de no estado livre ter como princípio ativo o poderoso ácido cítrico, este, em contacto com o meio celular, no interior do nosso organismo, é transformado durante a digestão e comporta-se como um alcalinizante, ou seja, um neutralizante da acidez interna. Os seus diversos sais, por seu turno, convertem-se em carbonatos e bicarbonatos de cálcio, potássio, etc, que acentuam a alcalinidade do sangue. Quando enjoo do gosto residual do bicarbonato, uso o bom e velho limão espremido em um copo de água. Mas não vale colocar açúcar ou adoçante, ok?

Pronto! Beba sua água e seja muito mais saudável.  :-)

água alcalina

::::::::

Anuncie no Segredos de Liquidificador

::::::::

Leia também:

Advertisements

166 thoughts on “Aprenda a fazer água alcalina

  1. Tenha uma dica pra conservar a metade do limão: coloque a metade do limão com a parte cortada para baixo em um pires com uma camada de água, de modo que essa camada de água isole a parte cortada (exposta) e pronto, guarde na geladeira!

  2. A respeito da conservação do limão, na prática percebi que se descascarmos o limão e conseguirmos separar os seus gomos, fazendo-se uso da quantidade que desejas, a outra parte que não será usada pode ser guardada fora da geladeira e consumida posteriormente. Se fizer uma pesquisa perceberá que o limão perde muitos nutrientes se guardado na geladeira. Fica a dica, abraço!

  3. Monica, boa tarde! Por favor, você poderia nos explicar novamente o processo para deixar a água mais alcalina, acrescentando suco de limão? O que me deixou com dúvidas foi o fato de o limão ser uma fruta bem ácida. Como acrescentando um ácido em nosso organismo irá torná-lo mais alcalino?

    Obrigado!
    Meu nome é Marcelo e estudo engenharia civil.

    • Oi, Marcelo! Bem-vindo. :)

      Na verdade, colocar limão na água não a deixa alcalina. Você tem razão ao dizer que o limão é uma fruta bastante ácida. Como expliquei em outros comentários, é o efeito de tomar o limão na água que é alcalinizante. Apesar de ser ácido, o limão quando ingerido tem um forte efeito alcalinizante no organismo, ou seja, ele reage dentro do corpo, fazendo com que fiquemos mais alcalinos. É um dos melhores alimentos para melhorar e manter a saúde.

      Espero ter ajudado!

      Abs

  4. não faça em galão de plastico pois o bicarbonado faz com que o plastico libere substancias que não fazem bem, bom fazer em jarra de vidro.

  5. Muito útil a sua informação, postei no meu face e espero que não haja problema pois gosto de compartilhar tudo que é para nosso benefício com outras pessoas, obrigada.

  6. Ola. Bom dia. Gostaria de contribuir também. Vocês não devem esquecer que a agua possuem um grande quantidade de fluor e cloro. O que as pessoas desconhece e que isso são gases muito tóxicos. E devem ser retirado da agua. Não adianta vices potencializar uma agua e por outro lado deixa la com flúor ou cloro. Não adianta nada VC deixar a agua descansar no sol. Isso e puro engano. Um bom filtro de carvão ativado pode ajudar muito. Ou você pode comprar um ionozador. Que seria perfeito. Lembrete. O gás cloro fixa em tudo que for orgânico. Pegue um copo com arroz e coloque agua e depois coloque essa agua em outro copo e pegue um medidor de cloro. VC vai notar que a agua esta sem cloro. Abracos

  7. Adorei o post, e gostaria de contribuir com algumas medidas de bicarbonato na água trabalho com água a 4 anos e há 2 anos pesquiso esta tal acalinidade, que apresentou esta semana com a apresentação de Marcelo LUna (acupunturista) no programa sem censura – LEDA NAGLE – que confirmou o que eu estava pesquisando a 1 semana a medida, que eu pudesse dizer para os amigos e aos interessados, de quanto de pó de bicarbonato de sódio colocar em 20 litros de água mineral, que são ácidas para nosso consumo diário, uma colher rasa de chá deste pó tão barato que custamos a acreditar cuja a utilização resolve em parte o pH do nosso organismo como um todo.

  8. Olá Mônica! Primeiramente, parabéns pelo excelente site! As informações são super úteis e bem práticas! Tô começando a utilizar o limão para limpeza do meu organismo, porém, tenho algumas dúvidas, que são as seguintes:

    Posso guardar a mistura do limão com a água em uma garrafa (tipo térmica) para beber durante o dia? Qual seria a quantidade de limão correta para misturar em, aproximadamente, 1L de água?

    Um grande abraço!

    • Olá, Filipy, obrigada! Saber que as pessoas gostam do site e usam os posts como fonte de informação me faz muito feliz.

      O limão é um remédio maravilhoso. O ideal é espremer e consumir em seguida, mas se você quer tomar durante o dia e não tem condições de fazer isso, pode levar na garrafa térmica, sim. A quantidade de limão ideal seria algo como meio limão para 200 ml de água. Se a sua garrafa tiver cerca de um litro acredito que dois limões e meio seriam suficientes. Abs!

      • Obrigado pelo esclarecimento, Mônica! Você tem alguma dica para conservar a metade do limão que não vai ser utilizada no momento? Ele perde as propriedades naturais ao ser deixado na geladeira?

        Abraços!

      • Toda fruta que é aberta começa a oxidar mais rápido, Filipy. Se você quiser usar somente metade do limão (eu uso ele inteiro pra evitar isso e para ter uma dose extra de benefícios), guarde na geladeira envolvido naquele plástico filme fininho. :)

        Abs!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s