A poderosa chia

Leave a comment

Pequenas e sem muita graça, as sementes de chia são muito mais do que aliadas nas dietas de emagrecimento e modinha fitness. Não é à toa que ela é considerada um super alimento há séculos e que sua descoberta pelos entusiastas da alimentação saudável foi um verdadeiro boom aqui no Brasil: segundo especialistas, em uma colher de sopa do grão há três vezes mais ferro do que no espinafre, cinco vezes o cálcio existente no leite, o dobro de potássio da banana, duas vezes mais proteína que qualquer outro grão ou semente e três vezes a quantidade de antioxidantes de mirtilos (blueberries).

Originária do México, quando é umedecida ou colocada em contato com um alimento que possui água, absorve o líquido e incha criando uma membrana gelatinosa à sua volta que faz com que o alimento seja digerido mais lentamente. Isso baixa o índice glicêmico da refeição e evita picos de glicose no sangue – um dos principais motivos para o desenvolvimento da síndrome metabólica (que envolve o aparecimento precoce de doenças cardiovasculares ou diabetes tipo 2). Um estudo publicado no British Journal of Nutrition concluiu que incluir o grão à dieta melhora a resistência à insulina, fundamental para o controle do diabetes.

Com ação anti inflamatória (por conta de suas altas taxas de ácidos graxos e ômega 3) e antioxidante, ajuda a retardar o envelhecimento, combatendo a formação de radicais livres. A alta taxa de ácidos graxos poli-insaturados, que formam as células nervosas, garantem uma memória mais afinada, reduzem a ansiedade e a depressão, melhoram o sono e o humor.

Eu, que estou tentando eliminar a proteína animal da dieta, ganhei mais qualidade nas minhas refeições porque a chia é rica em aminoácidos essenciais, sendo uma ótima fonte de proteína vegetal e complemento ideal para vegetarianos e veganos. \o/

Bonita de ver, gostosa de comer. E, sim, ela auxilia no processo de emagrecimento porque sua alta taxa de fibras solúveis formam uma gelatina no estômago e fazem com que você se sinta cheio mais rápido. Ou seja, você come menos, perde os quilinhos a mais ou mantém seu peso com maior facilidade. As mesmas fibras dão uma ajuda preciosa na hora de ir ao banheiro, combatendo a prisão de ventre.

Você pode acrescentar chia nas sopas, saladas verdes ou de frutas, nas omeletes, sucos, iogurte e onde mais a sua imaginação inventar. Aqui no blog já ensinei a fazer uma geleia de uva de chia deliciosa, mas existem milhares de receitas por aí. Uma porção de 3 gramas – algo como uma colher de chá – não compromete o total de calorias ingeridas e acrescenta muita saúde ao seu prato.

::::::::

Leia também:

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s